top of page
  • Foto do escritorAlisson Lima - Psicólogo e Neuropsicólogo Clínico

ESTILOS DE PARENTALIDADE

Vocês sabem o que é parentalidade?


O termo parentalidade designa a expressão que se refere aos papéis e funções parentais, ou seja, dos pais na vida dos filhos. Este termo ultrapassa o fator biológico e se conecta às experiências infantis que já foram vividas pelos pais.



Isto pode ser a resposta quando nos perguntamos o porquê de crianças responderem e reagirem de formas variadas a mesma situação. Devemos considerar o temperamento de cada criança, porém, o estilo de parentalidade pode afetar a competência da criança em lidar com seu mundo.


Existem alguns tipos de parentalidade, que não são sinônimos de certo ou erro, pois sabemos que o viável é a sensatez, porém nos auxiliam ao analisarmos alguns grupos de crianças, o que colabora, ou não, com o desenvolvimento infantil.


A parentalidade autoritária, são aqueles pais que punem ditatorialmente e com rigor, caso a criança não se conforme com o padrão de conduta estabelecido. Estes pais são mais impessoais e menos carinhosos e seus filhos tendem a serem descontentes, retraídos e desconfiados.


A parentalidade permissiva, refere-se aos pais que fazem poucas exigências e permitem que os filhos controlem suas atividades tanto quanto possível. Explicam os motivos, caso precisem criar regras. Enfatizam a autoexpressão e a autoregulação. Raramente punem e consultam as crianças sobre decisões. Carinhosos, não controladores e não exigentes, e seus filhos quando na pré escola podem ser imaturos, apresentam muito pouco autocontrole e pouca curiosidade exploratória.



A parentalidade democrática, estes pais incentivam a individualidade, mas também impõe restrições sociais. Confiam na capacidade própria de orientar as crianças, respeitam as decisões independentes, os interesses, as opiniões e a personalidade dos filhos. São amorosos, tolerantes e firmes, porém exigem bom comportamento. Seus filhos se sentem seguros quanto ao amor que os pais têm por eles e sobre o que esperam que façam. São autoconfiantes, autocontrolados, autoafirmativos, exploradores e satisfeitos.


Existe também, infelizmente, a parentalidade negligente ou omissa, são pais que por estresse ou depressão, focam mais em suas necessidades do que nas dos filhos. É vinculada a vários distúrbios comportamentais na infância e na adolescência.


Fica claro que a parentalidade democrática aumenta a capacidade social das crianças. Mas por quê? Provavelmente esses estilos de pais estabeleçam expectativas sensatas e padrões realistas, com regras claras e coerentes, as crianças compreendem o que se esperam delas.


Em lares autoritários, as crianças não podem fazer escolhas sobre seus próprios comportamentos, devido ao rigor ao qual são submetidas. Já nos lares permissivos, recebem tão pouca orientação tornando-as inseguras e ansiosas quanto a fazer a coisa certa.


Com os modelos acima relacionados, não queremos dizer que o democrático seja o correto, eles demonstram as diferenças entre os estilos de parentalidade e os comportamentos infantis. Os pais devem levar em conta o temperamento da criança.


Existem também as questões ocidentais, culturais e socioeconômicas que devemos considerar, aqui tratamos de casos com bases ocidentais nas quais vivemos.


Em qual dos modelos vocês pais, e mães, sendo de primeira viagem ou não, mais se encaixam? Considerando a realidade familiar em que vivem? Como já dissemos aqui, não há um modelo absoluto, portanto, que o bom senso sempre prevaleça em prol do desenvolvimento e educação dos filhos.


Nós da A L Psicologia acreditamos que se faz necessário estudarmos e analisarmos materiais a respeito do desenvolvimento infantil e considerar também a parentalidade, assim ficará mais claro entender seu filho e a forma como vocês pais atuam e como as crianças reagem, e isso colaborará com o melhor convívio e compreensão em família e nos círculos sociais.


Para adquirir novos conhecimentos e aprimorar o seu repertório sobre como educar o seu filho, continue lendo nossas matérias e navegue em nosso site!

Deixe seu comentário e até a próxima,


161 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page